Criptomoedas não serão banidas da Coreia do Sul, mas sim regulamentadas – BANTUDATA

Cart

Your Cart is currently empty.

Fill Cart with Goods

Criptomoedas não serão banidas da Coreia do Sul, mas sim regulamentadas

Proibidas na China, as criptomoedas não serão banidas na Coreia do Sul, mas, sim, regulamentadas para garantir segurança e transparência nas transações. A notícia surge após boatos de que o governo do país estaria planeando vetar as moedas virtuais a fim de evitar evasão de impostos.

No início do mês, o valor do Bitcoin caiu quase 20% após as especulações da proibição de criptomoedas no território sul-coreano. Mas o ministro de finanças do país, Kim Dong-yeon, garantiu que as moedas digitais serão apenas regulamentadas por lá, deixando o mercado um pouco mais calmo.

O ministro revelou também que a alfândega do país detectou aproximadamente US$ 596 milhões em crimes cambiais, com a maior parte desse valor tendo usado criptomoedas, sendo que cerca de US$ 1,6 milhão foi obtido por apenas uma corretora ilegal, sendo transferido para fora do país. Por conta dessas práticas, a regulamentação se faz não somente necessária, como emergencial.

Entre as novas regras já anunciadas pelo país, está a determinação de que apenas bancos e corretores licenciados possam oferecer o serviço de câmbio em criptomoedas. Ainda, valores que superem os US$ 3 mil saindo da Coreia do Sul devem ser devidamente justificados e documentados com as autoridades. Outra medida é a exigência de que apenas contas bancárias registradas com nomes reais podem ser usadas em transações, em uma tentativa de combater a lavagem de dinheiro usando criptomoedas.

Fonte: Reuters

Comments